HomeLista de Teses >  [A ESPECIALIZACAO EM SAUDE PUBLICA E OS SERVICOS DE...]
 
 
 

Fundação Oswaldo Cruz
Escola Nacional de Saúde Pública

"A especialização em saúde pública e os serviços de saúde no Brasil de 1970 a 1989"
Tânia Celeste Matos  Nunes

Tese apresentada com vistas à obtenção do Título de Doutor

Orientador: Dalton Mário Hamilton
Data de entrega: Dezembro de 1998

    RESUMO
    INTRODUÇÃO
    CAPÍTULO 1 - AS POLÍTICAS DE SAÚDE E O ENSINO DA SAÚDE PÚBLICA NO BRASIL DE 1970 A 1989
    CAPÍTULO 2 - PRESSUPOSTOS E OBJETIVOS
    CAPÍTULO 3 - QUADRO TEÓRICO DE REFERÊNCIA
    CAPÍTULO 4 - METODOLOGIA
    CAPÍTULO 5 - RESULTADOS
    CAPÍTULO 6 - ANÁLISE E CONCLUSÕES
    CAPÍTULO 7 - REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
    CAPÍTULO 8 - ANEXO I
    CAPÍTULO 9 - ANEXO II
    CAPÍTULO 10 - ANEXO III
    CAPÍTULO 11 - ANEXO IV
    CAPÍTULO 12 - ANEXO V
    CAPÍTULO 13 - ANEXO VI
    CAPÍTULO 14 - ANEXO VII
    CAPÍTULO 15 - ANEXO VIII
    CAPÍTULO 16 - ANEXO IX
    CAPÍTULO 16 - ANEXO X
    CAPÍTULO 17 - ANEXO XI
    CAPÍTULO 18 - ANEXO XII
    CAPÍTULO 19 - ANEXO XIII
    CAPÍTULO 20 - ANEXO XIV
    CAPÍTULO 21 - ANEXO XV
    CAPÍTULO 22 - ANEXO XVI
    CAPÍTULO 23 - ANEXO XVII
    CAPÍTULO 24 - ANEXO XVIII
    CAPÍTULO 25 - ANEXO XIX
    CAPÍTULO 26 - ANEXO XX
    CAPÍTULO 27 - ANEXO XXI
    CAPÍTULO 28 - ANEXO XXII
    CAPÍTULO 29 - ANEXO XXIII
    CAPÍTULO 30 - ANEXO XXIV
    CAPÍTULO 31 - ANEXO XXV

Resumo:
Esse trabalho procura recuperar alguns marcos da formação de sanitaristas no Brasil nas décadas de 70 e 80, priorizando a articulação do ensino com as políticas de saúde e com os movimentos de recomposição da Saúde Pública que emergiram da conjuntura estudada. O estudo tomou, como espaços privilegiados de análise, a Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz-ENSP/FIOCRUZ e a Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo-FSP/USP, no que se refere aos cursos de especialização de áreas da Saúde Pública assim identificadas: Saúde Pública, Planejamento e Epidemiologia. Dada a sua importância na organização do ensino do período, também foi considerado o programa de Residência em Medicina Preventiva e Social. A ênfase principal é a relação do ensino com as políticas de saúde e as estratégias adotadas pelas instituições consideradas, na organização de suas programações. Esse trabalho, também, procura resgatar experiências de articulação dessas Escolas com o movimento de expansão do ensino de Saúde Pública no período, e uma possível atuação em rede, a partir das duas Escolas com outros centros de formação em Saúde Pública do País.


Palavras-chave:
Educação; Política de Saúde; Ensino; Saúde Pública; Educação de Pós Graduação; Education

  Início