HomeLista de Teses >  [AVALIACAO DA CONTAMINACAO HUMANA POR HIDROCARBONET...]
 
 
 

Fundação Oswaldo Cruz
Escola Nacional de Saúde Pública

"Avaliação da contaminação humana por hidrocarbonetos policíclicos aromáticos: determinação de 1-hidroxipireno urinário"
Alcilea Fátima  Costa

Dissertação apresentada com vistas à obtenção do Título de Mestre

Orientador: Josino Costa Moreira
Data de entrega: Agosto de 2001

    RESUMO
    CAPÍTULO 1 - INTRODUÇÃO
    CAPÍTULO 2 - CARACTERÍSTICAS DO PIRENO
    CAPÍTULO 3 - EXPOSIÇÃO À FUMAÇA DE TABACO
    CAPÍTULO 4 - MATERIAIS E MÉTODOS
    CAPÍTULO 5 - RESULTADOS E DISCUSSÃO
    CAPÍTULO 6 - AVALIAÇÃO DAS AMOSTRAS
    CAPÍTULO 7 - CONCLUSÕES
    CAPÍTULO 8 - REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
    CAPÍTULO 9 - ANEXO 1
    CAPÍTULO 10 - ANEXO 2

Resumo:
O metabólito 1-hidroxipireno foi determinado em amostras biológicas (urina) em trabalhadores do CESTEH/FIOCRUZ, fumantes e não fumantes. As amostras foram coletadas no final do expediente, no período de fevereiro a março de 2001, sofreram hidrólise enzimática com a enzima beta -D-glucoronidase/arilsulfatase (100.000 Fishman U/mL e 800.000 Roy U/mL), limpeza (clean-up) por extração em fase sólida (Sep - Pak Vac 6cc (1g) C-18) e foram analisadas por CLAE com detector de fluorescência. Concentrações de 1-OHP entre 0,104 e 0,289 mi g/g de creatinina foram encontradas em amostras de fumantes. Perfis bem abaixo foram encontradas em não fumantes, entre 0,002 e 0,020mi g/g de creatinina. A presença de 1-OHP em algumas amostras de não fumantes foi atribuída a exposição ambiental, ativação metabólica, suscetibilidade individual, estado de saúde, nutrição, idade, variações fisiológicas provavelmente do tecido adiposo do corpo, intensidade de inspirar, o pH da urina, variações genéticas e atividade enzimática. Amostras de urina de fumantes que não apresentaram níveis de 1-OHP, foi atribuída a fatores específicos individuais como variações fisiológicas, intensidade de inspirar, o pH da urina, variações genéticas e atividade enzimática, suscetibilidade individual e outros fatores , tais como gênero, etnia, idade, estado de saúde, nutrição e poliformismo genético. A identificação e quantificação de 1-OHP em fumantes e não fumantes são inéditos no Brasil.


  Início