HomeLista de Teses >  [A MIDIA E A SAUDE DO TRABALHADOR: A EXPERIENCIA DE...]
 
 
 

Fundação Oswaldo Cruz
Escola Nacional de Saúde Pública

"A mídia e a saúde do trabalhador: a experiência de um sindicato na luta pela saúde - um estudo de caso"
Elaine Duim  Martins

Dissertação apresentada com vistas à obtenção do Título de Mestre.

Orientador: Jussara Cruz de Brito
Data de entrega: Março de 1999

    RESUMO
    CAPÍTULO 1 - INTRODUÇÃO
    CAPÍTULO 2 - CONSIDERAÇÕES METODOLÓGICAS
    CAPÍTULO 3 - INFORMAÇÃO PARA AÇÃO
    CAPÍTULO 4 - OPINIÃO PÚBLICA
    CAPÍTULO 5 - O FASCÍNIO DA VIOLÊNCIA
    CAPÍTULO 6 - A MÍDIA DO LADO DA VÍTIMA SOFREDORA
    CAPÍTULO 7 - A COBERTURA
    CAPÍTULO 8 - CONCLUSÃO
    CAPÍTULO 9 - BIBLIOGRAFIA

Resumo:
Esta dissertação descreve e analisa como os acidentes do trabalho despertam o interesse da mídia e o tratamento que recebem dos periódicos. Discute também a contribuição que a publicação desses casos num órgão de imprensa pode dar às lutas de uma categoria profissional por melhorias nas condições de trabalho e à vigilância à saúde dos trabalhadores, tendo em vista que os jornais levantam, centralizam e divulgam informações que podem auxiliar os órgãos oficiais competentes no mapeamento dos riscos, possibilitando assim a elaboração de ações que visem modificar essa situação. Para tanto, apresenta a experiência do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Niterói e Itaboraí, cuja executiva que assumiu em 1989 e permaneceu até 1998, soube se aproximar da imprensa, em especial O Fluminense, periódico local, para divulgar suas causas e denunciar as situações de risco nos estaleiros da cidade de Niterói, no Estado do Rio.


Palavras-chave:
Mídia; Saúde do Trabalhador; Acidentes do Trabalho; Sindicato dos Metalúrgicos; Indústria Naval

  Início