HomeLista de Teses >  [ESTUDO DE LESOES TRAUMATICAS AGUDAS COMO INDICADOR...]
 
 
 

Fundação Oswaldo Cruz
Escola Nacional de Saúde Pública

"Estudo de lesões traumáticas agudas como indicadores de tensão social na população do Sítio-Cemitério Solcor-3, San Pedro de Atacama, Chile"
Andrea de Lessa  Pinto

Dissertação apresentada com vistas à obtenção do Título de Mestre.

Orientador: Sheila Maria Ferraz Mendonça de Souza
Data de entrega: Março de 1999

    RESUMO
    CAPÍTULO 1 - INTRODUÇÃO
    CAPÍTULO 2 - A PRÉ-HISTÓRIA DE ATACAMA
    CAPÍTULO 3 - REVISÃO BIBLIOGRÁFICA E FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA
    CAPÍTULO 4 - METODOLOGIA
    CAPÍTULO 5 - RESULTADOS
    CAPÍTULO 6 - DISCUSSÃO
    CAPÍTULO 7 - CONCLUSÕES
    CAPÍTULO 8 - REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Resumo:
Nos últimos anos, as pesquisas antropológicas e paleopatológicas têm dado ênfase aos estudos sobre trauma e violência física na pré-história. A idéia de sociedades pretéritas saudáveis e pacíficas vivendo em equilíbrio tem mudado em função das evidências paleopatológicas. Nesta dissertação foram estudadas duas séries esqueletais, pré-Tiwanaku e Tiwanaku, pertencentes ao cemitério Solcor-3, San Pedro de Atacama, Chile. Elas pertencem a dois períodos culturais distintos e subseqüêntes, um deles anterior e o outro contemporâneo à influência de Tiwanaku no oásis atacamenho. O objetivo desta pesquisa foi testar a hipótese de que houve um aumento de tensão social devido às mudanças ocorridas a partir da influência ideológica e econômica de Tiwanaku sobre os povos do deserto. Foi observada uma alta prevalência de traumas agudos durante o período Tiwanaku (35% Tw; 13,3% pré-Tw), principalmente na forma de fraturas em depressão no crânio e lesões provocadas pela penetração de pontas de projétil, especialmente entre os homens na faixa etária de 20 a 30 anos (75%), o que confirma a hipótese em questão. O alto nível de tensão social, expressado nas lesões traumáticas agudas observadas em Solcor-3, provavelmente podem ser explicadas devido as mudanças ocorridas neste período, percebidas através do incremento do uso de narcóticos, de uma maior afluência de bens de status, e de uma crescente hierarquização na estratificação social atacamenha.


Palavras-chave:
Paleopatologia; Violência; Trauma agudo; Tiwanaku; Chile; Paleopathology; Violence; Acute Trauma; Tiwanaku; Chile

  Início